17/12 ~ Repercutindo Zé Ramalho

VIAGEM ÀS AMPLIDÕES DE ZÉ RAMALHO 

Realização de espetáculo musical, com interpretação de obras de Zé Ramalho, declamação de textos e dramatização. Com direção de Ana Paula Lopes, o trio formado por Jeff Chagas (violão e voz), Robertinho Silva (percussão) e Sandro Lustosa (percussão) convida o gaitista Jefferson Gonçalves. 

O compositor paraibano Zé Ramalho é um dos grandes nomes da MPB. Sua vasta obra é fortemente influenciada por uma herança cultural nordestina, o que se reflete nos ritmos de suas canções e nas métricas de seus versos. Suas músicas são também marcadas por um pronunciado simbolismo, que adicionou psicodelismo, religiosidade e mistério ao seu trabalho, e revelou um artista extraordinário que há décadas encanta o público. 

Pessoalmente, Zé Ramalho sempre foi um personagem enigmático. Por combinar em suas criações o repente nordestino com ufologia, magia e mitologia, sua imagem é frequentemente associada a uma espécie de “profeta da caatinga”. O repertório de seus mais de 30 álbuns lançados aborda temas como as peculiaridades da vida no sertão, a força da mulher, os ancestrais, os índios, a natureza, o meio ambiente, as memórias da infância e muito mais, tudo costurado com muito ritmo, mistério e magia. Algumas vezes incompreendido, teve uma vida conturbada, com conflitos familiares e existenciais, envolvimento com drogas, altos e baixos na carreira, alguns episódios inusitados e muito sucesso. 

Apostando na força rítmica presente no repertório do “poeta dos abismos”, o trio formado por Jeff Chagas, Robertinho Silva e Sandro Lustosa convida o gaitista Jefferson Gonçalves e apresenta ao público canções de Zé Ramalho com roupagem percussiva e arranjos originais, num espetáculo vibrante e hipnotizante, que envolve música, poesia e teatro, num ambiente cênico criado especialmente para favorecer o mistério presente na obra do artista. Além da interpretação musical cantada, o trio declama trechos do repertório e os dramatiza. 
Em outubro de 2019, Zé Ramalho completa 70 anos de idade. Mais que uma justa homenagem a um dos ícones vivos da cultura nordestina, o espetáculo “Viagem às Amplidões de Zé Ramalho” reafirma as possibilidades de leitura do compositor e renova o acesso do público à beleza de sua obra. 

Currículos Resumidos dos Músicos 

Robertinho Silva (percussão) 
Robertinho Silva tornou-se um dos bateristas e percussionistas mais requisitados da MPB e do jazz. Já tocou ao lado de nomes como Milton Nascimento, Gal Costa, Gilberto Gil, Chico Buarque, João Donato, Egberto Gismonti, Moacir Santos, Wayne Shorter, Sarah Vaughan, George Duke e Ron Carter. Autodidata, Robertinho aprendeu a tocar bateria ainda criança. Foi influenciado pelos principais bateristas do samba e da bossa nova. Sua carreira começou no 
final dos anos 1960 com o ingresso no grupo “Som Imaginário”, do qual também faziam parte Wagner Tiso, Luiz Alves, Zé Rodrix e Tavito. Desde então, tem participado de gravações e concertos com vários nomes da música nacional e internacional. Entre as muitas parcerias, gravou o CD BOM TEMPO, com Jeff Chagas, com quem formou o grupo Cajonero X e um trio, com Sandro Lustosa. 

Sandro Lustosa (percussão) 
O percussionista Sandro Lustosa nasceu na região amazônica, no estado do Acre, e iniciou sua trajetória musical participando de vários projetos para teatro, televisão, cinema e rádio. No exterior por muitos anos, atuou como músico percussionista, trabalhando com diferentes artistas estrangeiros como Lila Downs, Manu Chao, David Byrne, banda Macaco, The Pinker Tones, etc No Brasil também atuou em turnês com Emílio Santiago, Pepeu Gomes, Baby do Brasil, Beto Guedes, banda Blitz etc Atualmente integra os projetos de música experimental ao lado de Glaucus Linx e é um dos componentes dos grupos: BNegão e Seletores de Frequência, Cajonero X e do trio com Jeff Chagas e Robertinho Silva . 

Jeff Chagas (violão e voz) 
Jeff Chagas aprendeu a admirar a força da percussão ainda criança entre escolas de samba e blocos de carnaval. Instrumentista intuitivo e compositor versátil, Jeff transita entre samba, tango, xote, maracatu e ritmos do mundo. Lançou os CDs de inéditas EU RIO (Independente – 2007), DANÇA (Mills Records – 2014) e BOM TEMPO (Mills Records, 2017), os dois últimos baseados no ritmo e na magia dos instrumentos percussivos. Elogiado pela crítica especializada, o álbum DANÇA contou com participações especiais de grandes nomes da percussão brasileira, entre eles os mestres Robertinho Silva, Marcos Suzano, Carlos Malta e Paulão 7 Cordas. A parceira com Robertinho Silva rendeu frutos. Da pesquisa e do convívio musical entre os dois músicos renderam shows do duo, além das canções e os arranjos do álbum BOM TEMPO (Mills Records, 2017). Em 2018, formou o grupo Cajonero X, com Robertinho Silva. Recentemente, Jeff estreou no teatro, como ator e cantor no musical de grande sucesso “Cartas para Gonzaguinha”. 

Jefferson Gonçalves (gaita)
Jefferson Gonçalves é uma das principais referências dentro do cenário da gaita no Brasil e no mundo. Seu trabalho já foi elogiado por vários músicos, revistas e sites internacionais. Com seu estilo inconfundível e original consolida de vez sua competência e criatividade fazendo misturas autênticas, onde estilos diferentes se unem para criar uma atmosfera tipicamente brasileira, sua gaita faz um mix entre a música negra norte americana e o regionalismo dos ritmos nordestinos como o forró, o baião, o xaxado, o maracatu, entre outros. Já se apresentou nas melhores casas de Blues do mundo, como: Teatro San Martin (Buenos Aires), Blue Note (Nova York), Deep Ellum Blues (Texas) e Bamboo Room (Flórida), em seu currículo também constam apresentações na Espanha (Madrid e Toledo), Alemanha (Frankfurt),Chile (Santiago e Valparaíso) e África (Senegal). 

Serviço

Teatro Rival Petrobras – Rua Álvaro Alvim, 33/37 – Centro/Cinelândia – Rio de Janeiro. Informações: (21) 2240-9796. Data: 17 de dezembro (Terça-feira). Horário: 19h30. Abertura da casa: 18h. Ingressos: R$ 60,00 (Inteira),R$ 30,00 (meia-entrada). Venda antecipada pela Eventim – http://bit.ly/TeatroRival_Ingressos2GIaEKp. Bilheteria: Terça a Sexta das 13h às 21h | Sábados e Feriados das 16h às 21h Censura: 18 anos. www.rivalpetrobras.com.br. Informações: (21) 2240-9796. Capacidade: 350 pessoas. Metrô/VLT: Estação Cinelândia.

*Meia entrada: Estudante, Idosos, Professores da Rede Pública, Funcionários da Petrobras, Clientes com cartão Petrobras