22/06 🎶Banda do Síndico – Part. especial Carlos Dafé

BANDA DO SÍNDICO

Grupo presta tributo a Tim Maia e recebe o cantor Carlos Dafé como convidado especial na apresentação

A Banda do Síndico está de volta ao Teatro Rival Petrobras para um grande tributo a Tim Maia, um dos grandes mestres da MPB. O show em única apresentação acontecerá no dia 22 de junho, sexta, às 19h30. A novidade e a participação especial do cantor Carlos Dafé, o “príncipe do soul”. As músicas são apresentadas com os arranjos originais e vão desde o estilo romântico as mais dançantes. No repertório, claro, muito soul music.

Os músicos são os mesmos que formaram a “Vitória Régia”, orquestra que acompanhou Tim Maia por mais de 20 anos. Silvério Pontes (trompete), Tinho Martins (sax), Jéferson Victor (trompete), Fabiano Segalote (trombone), Toca Delamare (teclado), Nando Chagas (guitarra), Adriano Giffoni (baixo), Paulo Black (bateria) trouxeram para o grupo o cantor Bruno Maia, que assumiu os vocais.

A homenagem faz uma reunião dos sucessos de Tim Maia, responsável pela introdução do estilo soul na música popular brasileira e reconhecido mundialmente como um dos maiores ícones da música no Brasil. A voz aveludada de Bruno Maia, um cantor com estilo e característica do ‘Charme’ do subúrbio do Rio de Janeiro, dão tom as aclamadas “Azul da Cor do Mar”, “Primavera”, “Não Quero Dinheiro (Só Quero Amar)”, “Gostava Tanto de Você”, “Que Beleza” e “O Caminho do Bem”, “Me dê Motivos”, entre outras.

Cantor, compositor e empresário da música, Tim Maia nasceu e cresceu na Tijuca, bairro da Zona Norte do Rio, e faleceu no dia 15 de março de 1998. O artista ganhou o apelido de “Síndico do Brasil” de Jorge Ben Jor na música W/Brasil (Chama O Síndico). “Jacarezinho! Avião! Cuidado com o disco voador. Tira essa escada daí. Essa escada é prá ficar aqui fora. Eu vou chamar o síndico. Tim Maia!”, versa Ben Jor na música.

O legado deixado por Tim Maia é amplo, além da própria Bando do Síndico que segue levando suas músicas para os palcos de casas de show como o Teatro Rival Petrobras, sua obra influencia diversos artistas, como seu sobrinho Ed Motta e seu filho Léo Maia, Sandra de Sá, Simoninha, todos cantores. E você poderá conferir e revivier bons momentos da música nacional neste show que será realizado no Teatro Rival Petrobras.


Serviço

Teatro Rival Petrobras – Rua Álvaro Alvim, 33/37 – Centro/Cinelândia – Rio de Janeiro. Informações: (21) 2240-9796. Capacidade: 400 pessoas. Metrô/VLT: Estação Cinelândia. Data: 22 de junho (Sexta). Horário: 19h30. Abertura da casa: 18h. Censura: 18 anos. www.rivalpetrobras.com.br. Ingressos: Setor A – R$ 60 (Inteira), R$ 30 (meia-entrada) | Setor B – R$ 50 (Inteira), R$ 25 (meia-entrada) Venda antecipada pela Eventim – http://bit.ly/Ingressos2z0P23j. Bilheteria do Teatro Rival – Terça a Sexta das 13h às 21h | Sábados e Feriados das 16h às 22h

*Meia entrada: Estudante, Idosos, Professores da Rede Pública e Funcionários da Petrobras